Circuito Petrobras: Iraneide Rebouças participa da abertura do Circuito de Vela e agradece a Petrobras pela realização do evento na salinezia

A praia de Ponta do Mel, em Areia Branca, interior potiguar, recebe o Circuito Petrobras de Vela neste final de semana, nos dias 05 e 06 de julho. Cerca de quarenta barcos, com 180 pescadores locais participarão da competição. Com quatro horas de duração, a prova é dividida em três categorias e a primeira largada está prevista para às 8h de sábado.

Os três primeiros colocados no circuito serão premiados com equipamentos para pesca e todos os inscritos ganharão coletes salva-vidas, vela e pintura nova em suas embarcações. O evento busca fortalecer o relacionamento da companhia com as comunidades que vivem no entorno de suas operações, oferecendo informações e entretenimentos aos moradores.

Em paralelo à competição, serão realizadas ações dos projetos socioambientais De olho na água e Golfinho Rotador, patrocinados pela Petrobras, que preparam uma extensa programação com oficinas culturais, educativas e de meio ambiente.

A abertura oficial do Circuito será na sexta-feira (05/07), às 17h, com atividade para as crianças e o espetáculo "Em Busca do Conhecimento", encenado pela Companhia Teatral Royal. Também será realizada uma palestra da Capitania dos Portos e apresentados os programas de Comunicação Social Regional (PCSR) e de Monitoramento de Desembarque Pesqueiro (PMDP) da Petrobras, que promovem o diálogo comunitário e fornecem informações sobre os empreendimentos da companhia e sobre a atividade pesqueira na região. Na ocasião, acontece também a leitura do regulamento da prova e a distribuição dos kits esportivos aos competidores náuticos.

Esta é a segunda etapa do Circuito de Vela Petrobras 2019 e conta com a parceria da Marinha do Brasil, por meio da Capitania dos Portos do RN, da Prefeitura Municipal de Areia Branca e da Colônia de Pescadores Z-33. A próxima etapa está prevista para os dias 26 e 27 de julho, em Paracuru (CE).

Sobre os projetos socioambientais

O projeto social De olho na água, criado e implantado pela Fundação Brasil Cidadão, no município de Icapuí, litoral leste do Ceará, constitui-se num modelo pioneiro de abordagem integrada para o desenvolvimento local sustentável. Tem como foco principal a segurança e qualidade do fornecimento de água para a população, bem como o tratamento biológico dos efluentes para torná-los recursos valiosos para a conservação ambiental e segurança alimentar. 

Ao lado estará o projeto Golfinho Rotador, de Fernando de Noronha. Criado em 1990, desenvolve ações de pesquisa, educação ambiental, envolvimento comunitário e sustentabilidade em prol da conservação dos golfinhos-rotadores, da biodiversidade marinha e de Fernando de Noronha. O projeto realiza, ainda, consultoria sobre sustentabilidade ambiental, social e econômica aos mais de 100 pequenos meios de hospedagem locais.
 

Categoria:Noticias da Costa Branca

Deixe seu Comentário